fechar
fechar

Após ‘The Suggestionists’ a sua exposição triunfal na Saatchi Gallery em 2015, os fãs do multifacetado Jamie Hewlett ouviram o que há muito esperavam – era anunciada a preparação de um livro com o best-of da sua carreira. Há muito que o culto à volta do desenhador e designer inglês clamava por uma edição substancial dos seus diferentes projectos. A co-criação dos Gorillaz com o igualmente versátil Damon Albarn fez a sua popularidade transcender em muito a já adquirida com a sua icónica Tank Girl.
A publicação, em 2006, de ‘Rise of the Ogre’, respondera à vontade do público de saber mais sobre a banda virtual mas, contendo poucas imagens inéditas, não satisfez o coro crescente de fãs de Hewlett.
Esta nova monografia demorou um ano a mais do que o previsto a ser fechada mas o resultado é impressionante.

A edição multilíngue de “Inside the Mind of Jamie Hewlett” foi editada por Julius Wiedemann, um dos mais prestigiados nomes da editora Taschen, e cobre duas décadas de trabalho revolucionário, contendo mais de 400 trabalhos. Junto aos universos punk-pop pós-apocalípticos dos fenómenos Gorillaz e Tank Girl, surgem esboços, pósteres, B.D. e ilustrações de outros projectos. A extravagante produção da ópera ‘Monkey: Journey to the West’ concebida com o velho colaborador Albarn e dirigida por Chen Shi-Zheng merece aqui o seu próprio capítulo.

Cartas de tarot, inspiradas por Jodorowsky.

A 7 de Dezembro, o artista estará a assinar cópias deste clássico instantâneo na loja oficial da Taschen em Londres.
ISBN 978-3-8365-6093-1

p.s.: o artista está a produzir uma série de animação dos Gorillaz que deverá surgir em 2018